Uma aplicação móvel e ‘web’ destinada ao acompanhamento de crianças com doenças crónicas vai ser desenvolvida durante os próximos três anos por uma consultora portuguesa, em parceria com empresas de Espanha e França.

Com início oficial no dia 01 de abril, o projeto Tichron decorre de uma candidatura conjunta ao programa Interreg Sudoe, sob a iniciativa do Instituto de Investigação Sanitária IDIVAL, em Santander, Espanha.

O projeto, que numa primeira fase abrange 75 crianças, é suportado financeiramente por fundos comunitários num valor superior a 700 mil euros. Em Portugal, o projeto-piloto vai debruçar-se sobre asma e doenças respiratórias, na França a prioridade será a obesidade infantil e na Espanha os diabetes.

As ferramentas digitais irão para além da simples monitorização, sendo provável a criação de aparelhos e acessórios que permitam manter uma atualização constante da evolução da doença.

Em Portugal, o Hospital Pediátrico de Coimbra participa como conselho consultivo, “associando-se no sentido de estabelecer uma relação mais forte com os utilizadores dada a sua vasta experiência com pacientes crónicos infantis”, explica a consultora.

Fundada em 2010, a Future Balloons é uma empresa de consultoria e investigação na área da tecnologia, com sede na Figueira da Foz e ligações à região Centro. Presta serviços nas áreas de formação e apoio de projetos, desenvolvimento de software e design para a educação e inovação social.

Fonte: Notícias de Coimbra