Com a maior participação de sempre (mais 5163 registados  e mais 3030 votos) terminou no dia 18 de janeiro de 2018 o período de votação das propostas admitidas à 3.ª edição do Orçamento Participativo da Figueira da Foz, este ano com uma verba disponibilizada de 300.000€, 75.000€ para cada uma das quatro circunscrições definidas.

 

Os 5732 votos registados nesta edição deram a vitória, no Orçamento Participativo (OP) Norte, abarcando as freguesias de Alhadas, Bom Sucesso, Ferreira-a-Nova, Moinhos da Gândara e Quiaios, à proposta  “Espaço Verde – Boomerang”, com 2719 votos, tendo a segunda proposta, “Caminho Matas e Moleiros”, obtido 2318 votos.

No Orçamento Participativo (OP) Leste, abarcando as freguesias de Maiorca, Tavarede e Vila Verde, a proposta “Moinho Interativo de Vila Verde” obteve 126 votos, enquanto no OP Sul, abarcando as freguesias de Alqueidão, Lavos, Marinha das Ondas, Paião e São Pedro, a proposta “Casa Cultura de Paião” registou 209 votos. Em ambos os casos as propostas ultrapassaram largamente o número mínimo de votos necessário, por força do regulamento, para serem validados como vencedores.

Não foram admitidas propostas ao OP Cidade, abarcando a freguesia de Buarcos e São Julião.

O presidente da Câmara Municipal da Figueira da Foz, João Ataíde, saúda a participação de todos os proponentes e eleitores, por traduzir «uma assinalável mobilização dos cidadãos nesta iniciativa de democracia participativa ativa».

De acordo com o regulamento do Orçamento Participativo da Figueira da Foz, será aberto, em data a anunciar brevemente, o período de receção de sugestões para a 4.ª edição da iniciativa.

Mais informações sobre o Orçamento Participativo da Figueira da Foz disponíveis aqui: http://cm-figfoz.pt/index.php/orcamento-participativo

 

 

Propostas vencedoras:

 

OP Leste

“Moinho Interativo de Vila Verde” – Projeto que concorreu a todas as edições do OP,  a construção deste moinho interativo dotará a freguesia de um edifício que contempla dois fornos comunitários e será um espaço multifuncional, para diversas atividades, nomeadamente escolares, propondo-se como palco animado, e interativo, para dar a conhecer a História e as tradições locais. Na sua função de moinho, destaca-se a moagem de cereais, com o funcionamento a ser assegurado através de energias alternativas, nomeadamente energia solar e humana (através de pedais).

 

OP Norte

“Espaço Verde – Boomerang” – Projeto de reabilitação do espaço verde, em forma de boomerang, junto ao Centro de Saúde de Alhadas, com recuperação de um moinho de água, pista pedonal, pequeno lago e plantação de árvores, que pretende revitalizar esta área, devolvendo-a ao usufruto dos cidadãos.

 

OP Sul

Casa Cultura de Paião – espaço  que pretende acolher as tradições da Vila do Paião, Terra de Alfaiates, para além de prever espaços para exposições permanentes e temporárias, bem como como salas para formações e reuniões. Será também um espaço dinamizador para atividades lúdicas e culturais para séniores e ao mesmo tempo ser um espaço de apoio ao estudo dos jovens.

 

 

Para mais informações | Câmara Municipal da Figueira da Foz . Nuno Matos . (919384339)