O Centro de Artes e Espetáculos (CAE) da Figueira da Foz recebe este sábado (20 de maio) as eliminatórias do I Vianeza Festival das Filarmónicas.

A música começa a soar às 10H00, estando garantida a presença de perto de meio milhar de músicos de sete bandas nacionais. A saber: as bandas de Lares (Figueira da Foz), Vilanovense, Sanjoanense, Comércio Indústria da Amadora, Bidoeirense, Covões e Vestiarense.

A organização pertence à Associação Cultural e Artística “Sim, Porque Sim”e conta com o apoio institucional, técnico e logístico da Câmara Municipal da Figueira da Foz.

Na apresentação do evento, que tem final marcada para o próximo dia 1 de julho, o presidente da câmara referiu que esta é uma iniciativa que “vem enaltecer a ligação da Figueira da Foz às filarmónicas”. João Ataíde enalteceu “a crescente qualidade destas formações musicais e dos seus elementos”, bem como a sua satisfação pela escolha dos membros do júri: a pianista Olga Prats, o maestro António Victorino d’Almeida e o comunicador Júlio Isidro. “Vem conferir ainda mais qualidade e credibilidade a este evento, logo na sua primeira edição”, afirmou.

O diretor musical do festival é o antigo maestro da Banda da Armada, Victor Santos.

Maria Luíza, pela “Sim, Porque Sim”, agradeceu o apoio da autarquia nesta iniciativa, pois “logo na primeira edição, contou com 16 inscrições de todo o país, tendo sido selecionadas nove, de grande qualidade”.

A dirigente associativa explicou que dificuldades internas levaram à desistência de duas das filarmónicas apuradas, mas garantiu que as sete participantes farão deste Vianeza Festival das Filarmónicas um acontecimento cultural de projeção nacional.

Os prémios têm o patrocínio da Vianeza (1.º prémio, no valor de 5.000 euros), da EDP (2.º prémio, no valor de 3.000 euros) e do Casino Figueira (3.º prémio, no valor de 1.500 euros), tendo ainda os apoios da Turismo Centro de Portugal, Direção Regional da Cultura do Centro e RTP.

A eliminatória de 20 de maio, com entrada livre, terá excertos transmitidos durante o programa “Aqui Portugal”.