Uma dúzia de embarcações do rio Mondego, dedicadas à apanha de lampreia e do sável e com redes de tresmalho de deriva, foram ontem fiscalizadas pelo Comando-local da Polícia Marítima da Figueira da Foz.

Da operação há a assinalar o facto de uma das embarcações estar em presumível infração, pois a tripulação e o certificado de lotação não estavam em conformidade com a lei, o que levou ao levantamento do respetivo auto de contra-ordenação.

Refira-se que a pesca da lampreia, sável e savelha no rio Mondego, obedece a períodos de defeso onde é proibido pescar estas espécies.

Por força do Despacho n.º 42/2017, de 02 de janeiro, do Ministério do Mar, os períodos de defeso no rio Mondego são os seguintes:
– Para a pesca da lampreia – de 15 a 19 de março e de 21 abril a 31 de dezembro;
– Para a pesca do sável e savelha – de 1 a 31 janeiro e de 15 de março a 31 de dezembro.