FIGUEIRA SABOR AS MAR CONF IMPRENSA

A temporada de festivais gastronómicos na Figueira da Foz arranca ainda durante este mês com uma semana dedicada aos peixes tradicionais, iniciativa da Associação Figueira Com Sabor a Mar e apoiada pelo município local.

Carapau, faneca, polvo, raia e pata-roxa serão os reis da Semana dos Peixes Tradicionais, entre sexta-feira e o dia 27, iniciativa que envolverá 21 restaurantes do concelho.

“Partimos para mais um ano de festivais gastronómicos com a vontade renovada de projetar os nossos produtos tradicionais e de levar cada vez mais longe o nome da Figueira da Foz”, resumiu hoje a presidente da Associação, Isabel João Brites, durante uma conferência de imprensa destinada a apresentar a nova temporada de festivais gastronómicos.

Isabel João Brites agradeceu o apoio logístico que a Câmara Municipal da Figueira da Foz concedeu à iniciativa e adiantou que a Associação tem vindo a manter contactos com a Entidade Regional Turismo Centro de Portugal no sentido de conseguir maior destaque para a temporada de festivais gastronómicos da Figueira.

“Temos interesse em que eles [os responsáveis da Turismo Centro] se interessem por nós”, disse Isabel João Brites, acrescentando que a Associação que dirige “precisa de muito auxílio para caminhar melhor”.

Tal como sucedeu nos últimos anos, os restaurantes do concelho que aderirem à iniciativa têm a obrigação de apresentar menus que envolvam os produtos em destaque, acompanhados por vinhos e doces tradicionais da Região Centro.

Para junho, entre os dias 07 e 19, está prevista a realização da segunda semana gastronómica da Figueira da Foz, dedicada aos peixes da época: sardinha e cavala.

Setembro, como tem acontecido nos últimos anos, fica reservado para as caldeiradas, com a iniciativa a decorrer entre os dias 02 e 11.

Pelo meio, nos dias 03, 04 e 05 de junho, o Pavilhão Multiusos da Figueira da Foz, cedido pela autarquia local, recebe o Festival dos Peixes Tradicionais, que deverá ser acompanhado por um programa de animação de algumas zonas da cidade.

“Vemos sempre com agrado estas iniciativas que nascem espontaneamente e que têm um grande impacto na economia local e ajudam a projetar o nome do concelho”, afirma João Ataíde, presidente da Câmara Municipal da Figueira, destacando a ligação dos figueirenses ao mar.

O autarca considera que os festivais “vieram reativar a gastronomia da Figueira”, e promete que a Associação Figueira Com Sabor a Mar “pode continuar a contar com a colaboração da Câmara para dar a conhecer os tesouros da lota” do concelho.